Resenha: Harry Potter e a Ordem da Fênix

O processo de desenvolvimento dessas resenhas é bem simples. Eu vejo o filme, vou anotando algumas palavras ou piadas-chave e assim que acabo de assistir, começo a transformá-las em parágrafos. Depois disso é só lapidar o texto bruto. Como eu tenho um problema meio chato de memória, as duas primeiras etapas precisam ser feitas o quanto antes.

Só que dessa vez eu fui bancar o Capitão Ousadia e decidi terminar de ver toda a saga de uma vez porque eu tava muito curioso. Sem anotar. Por quê? Porque eu sou um merda. Resultado: terminei o último filme e na hora de escrever sobre esse aqui eu já não sabia mais nada. Teria que ver a porra da Ordem da Fênix mais uma vez e fui adiando, adiando, adiando.

Bom, pelo menos tá pronto. Senhoras e senhores, aconcheguem-se pois TEMOS.

 

Harry Potter e o Batalhão do Pombo Flambado

 

Tá, a primeira coisa que precisamos colocar na mesa aqui é que no Cálice de Fogo o Harry tava bem esculachadinho com aquele cabelo que mais parecia um quiosque de praia em dia de ventania. Aí você dá play nesse filme e a primeira reação é “UÉ, QUEM É ESTE BOY?”. Pois é. O Harry tá fortinho, deu um tapa no visual e ficou aquilo que chamamos por aí de AGORA SIM.

 

Olha que tigrão que ficou o nosso Potter.

 

O filme começa com Harry sentado sozinho num balanço e nisso chega o Duda com a sua turminha para dar aquela zoada. Dois fatos interessantes sobre o Duda:

1. Ele agora se tornou aquele tipo de playboy escrotinho que com certeza já apareceu em algum momento na sua vida, sabe? Aquele playboy que é meio agressivo e tenta diminuir os outros porque no passado era um fracassado e agora tá tentando hipercompensar pra se sentir melhor com ele mesmo. Todos vocês conhecem alguém assim.

2. Ele já mora com o Harry há não sei quantos anos e SABE que o moleque tá envolvido com magia negra, feitiçaria e afins. Ele sabe que com apenas um movimento de varinha e alguma palavra esquisita ele pode simplesmente ser transformado em uma bermuda da Nicoboco. Mas mesmo assim continua zoando. Resumindo, o Duda é um imbecil.

Enfim, tá rolando um bate-boca de adolescente mas o Duda pega pesado.

 

“Tua mãe virou apresuntado, Potter”

 

“kkkkk carácoles mein o dida dorleys trollou legal agora. fala tu. kkkkkk”

 

Harry fica puto da cara e saca a varinha bem na jugular do roliço. Daí o tempo fecha – literalmente. Tava um solzão e DO NADA é o apocalipse. Aparentemente eles estão morando em Manaus. Os dois correm da chuva pra um túnel e a gente confirma neste momento que o filme não é no Brasil. Brasileiro prefere arriscar pegar uma pneumonia ou até um relâmpago na têmpora pra não ter que entrar em um túnel deserto.

As luzes se apagam e do nada aparecem dois dementadores (ou usuários de crack. É que só pela aparência fica realmente complicado saber com clareza). Um imobiliza o Harry e começa a fazer o aspiradorzinho. Um outro faz no Duda e honestamente… eu deixava ali. Que se foda o porpeta. Harry consegue escapar, salva o Duda e ainda leva esculacho quando chega na casa dos tios.

E é isso que eu fico brabo. Já viu o tanto de dinheiro que o Harry tem de herança? Porra, o moleque já tem barba na cara. Um marmanjo desse já pode arrumar um apartamentozinho pra morar de aluguel. Nesse lado aí eu entendo os tios dele, porque o garoto é sentão.

Como fofoca no mundo da magia corre rápido, chega uma cartinha pra Harry Potter. Lembra que no primeiro filme a carta chegava pra convidá-lo pra escola? Então, essa é pra expulsar o Harry. Se o moleque não correr atrás, vai ter que fazer um supletivo.

Nesse meio tempo uma gangue de bruxos que parece ter vindo diretamente de um Fotolog de 2007 aparece junto com o Moody pra salvar o Harry.

 

/zoinho, /marimoon, /sk8_witch e /gorrinho_94

 

Eles vão para a casa do Sirius, Hermione abraça Potter e talvez essa seja a única coisa boa que acontece pra esse menino no filme.

Ele revê o povo todo e um fato muito interessante sobre esse filme é que quanto mais você olha pro pai dos Weasley, mais ele vai ficando parecido com o Lineu da Grande Família.

 

“Nenê, avise aos nossos filhos que estou indo resolver uma questão no ministério”

 

O problema brabo que tem rolado é com o Ministro Fudge. Ele acha que o Dumbledore tá querendo dar um impeachment nele e agora tá paranóico. Tá Fudgendo o rolê.

Bom, o Harry vai a julgamento. Antes de entrar no tribunal, a gente vê o Lúcio Malfoy de papinho com o ministro. Daí a gente lembra lá no filme anterior que o Malfoy tava de conchavo com o Voldemort. Tá se achando a Vera Holtz do mundo da magia esse malandro. A GENTE SABE QUEM TU É.

 

arrombado

 

Harry é liberado de pegar 10 anos na Febem e só precisa pagar cesta básica. Todo mundo feliz. Harry vai dar um oi pro Dumbledore e o cara nem tchum. Ignorou mesmo. Na intenção.

Quando as aulas começam, a fofoca já rolou Hogwarts inteira e a galera acha que o Potter despirocou, que o menino tá vivendo fora da casinha. Como se não fosse o suficiente, aparece na frente dele uma porra de um TESTRÁLIO. Não sabe o que é? Eu te explico.

É um cavalo esquelético que ninguém vê. O bicho é invisível. Por isso o pobre equino tá desnutrido desse jeito. Se a fiscalização bate nessa escola, se aparece uma Luisa Mell, eu não quero nem ver a merda que isso vai dar.

 

Alá os MAUS-TRATOS

 

Só consegue ver o bicho quem já viu a morte. Ou seja, Harry tá vendo sozinho um cavalo invisível e o pessoal acha que ele tá mais biruta ainda. POR SORTE aparece alguém que também vê o testrálio, mas infelizmente é Luna Lovegood, uma menina que é do bem…mas é meio piroquinha das ideias. É aquele tipo de gente que tu encontra na rua, dá uma conversadinha, o assunto claramente acaba e ela manda um “mas me conta, como estão as coisas?” e você tá aprisionado ali por toda a eternidade.

 

oi quer ver minha coleção do my chemichal

 

No bandejão de Hogwarts descobrimos que a nova professora é Dolores Umbridge e vou ser bem honesto com vocês: essa mulher me dá uma raiva genuína. Eu não sei explicar. Eu fico com raiva de verdade. Sabe, ela sendo escrota mas com um sorrisinho sonso na cara pra acobertar. ARGH.

Ela já chega torturando o Harry. O certo a se fazer nesse tipo de situação é conversar com seus pais, mas infelizmente os pais do Harry estão passando por um pequeno probleminha aí e não vão poder fazer nada a respeito.

Bate a bad. Harry começa a se sentir sozinho porque geral tá achando que ele tá maluco. O que ele faz? Amizade com a garota mais lentinha do colégio. A menina tá descalça na floresta brincando com um cavalo que já entrou em decomposição tem uns 300 anos.

Isso porque o Harry consegue ver o bicho. Pra quem tá olhando de fora, só vê os dois perturbadinhos da cabeça fazendo carinho no nada. Aí tu já viu a merda que dá né? Se não é seita, é caso de internação.

 

-vamo incendiar alguma igreja harypote
-eta porra

 

Aconteceu. Dolores é promovida e toca o terror. A bruaca é uma Bolsonara do caralho. Acabou a gracinha no Instituto Hogwarts de Ensino. Ela persegue a professora hippie porque aquela mulher é claramente de esquerda.

 

“eu vivo da minha arte senhora”

 

Nisso vem a cena em que Dolores demite a professora na frente da escola toda. Esculacha mesmo. Daí aparece numa entrada triunfal o Dumbledore. Porra dá até um arrepio se tu lembrar.

Onde que ele tava eu não sei até agora. Devia estar jogando bingo esse filho da puta. O que eu sei é que ele surge do nada e dá uma comida de cu na Dolores. Por mim ele pegava o celular ali mesmo, mandava um zap pro Voldemort e encomendava a morte da digníssima. Mas como não fui eu que escrevi a história, a Dolores ainda vai tocar muito o puteiro na escola


A garotada começa a ficar preocupada. Nisso, o Sirius aparece na fogueira para uma chamada de skype com os 3. Nota-se que o sinal da wi-fi de um filme pra outro melhorou consideravelmente


Eu to há 20 minutos olhando pra tela do computador tentando pensar em algum trocadilho com wi-fi e fogo daí vou só deixar aqui pra vocês a ideia: WI-FIRE. Quem quiser patentear é só me mandar um email que a gente vai ficar rico. Enfim, o Sirius fala que o Harry vai ter que se virar e o Ronnie e Hermione pensam “fodeu”.

A solução dela é criar uma panelinha chamada TROPA DO VELHACO (Dumbledore’s Army em inglês) que é basicamente o Harry ensinando todo mundo a fazer magia contra o cramunhão.

Só um minutinho da atenção de vocês aqui: não sei se vocês lembram na resenha anterior, mas tinha um menino que SÓ apareceu pra entregar um pacote pro Rony. Ele tá de novo nesse filme porém com só uma fala. Esse garoto deve ser filho de alguém

 

Dessa vez ele TAMBÉM ganhou um close

 

A galera está mesmo convencida de que eles precisam aprender magia com um garoto. Tudo bem, conhecimento nunca é demais. Mas um forte problema de Hogwarts é que pelo visto essas crianças nunca tiveram uma aula de caligrafia na vida.

 

Geong Cleasly e Sed Les

 

A Dolores que não é burra nem nada, sacou que tinha alguma maracutaia rolando e proibiu qualquer tipo de grêmio estudantil. Acabou essa graça de montar grupo no zap em Hogwarts. Daí lascou-se. Os meninos ficam desnorteados né, fazer o quê? Bom, o Neville do nada tem uma trip de LSD e descobre a porta da Sala Precisa toda equipada

Começa a parte maneira do filme. A garotada treinando as feitiçarias, ganhando xp e subindo de level. O zelador fica encucado com aquela porrada de criança entrando pela parede e avisa pra Dona Dolores. A madame abre um inquérito e começa a interrogar alunos suspeitos. Não satisfeita, ela faz um pequeno exército de alunos arrombados pra tentar descobrir e vigiar os demais. Inquisição total porém com umas cenas meio de filme do Disney Channel:

 

 

 
 
Ah, sim. O Harry Perdeu o BV com a Cho. Wingardium Leviosa no pintinho de Potter.
 
 

Dia maravilhoso né? Porém Harry sonha que o pai do Rony tá sendo atacado e o Lineu de fato estava em apuros. Snape é encarregado de ensinar a oclumência pro Harry, senão Voldemort vai entrar na cabeça dele e deixar o garoto alucicrazy.

 

Essa foto tem zero contexto aqui. É só pra vocês olharem um pouco mesmo.

 

Nesse meio tempo uma mulher descabelada com cara de quem rouba aparelho de DVD pra revender e comprar crack, foge de Azkaban. É Belatriz Lestrange, a mulher que matou os pais do Neville.

Hora dos patronos. É nessa hora que tu vê quem é quem. Vamos usar como exemplo a Hermione que é uma das melhores alunas. O patrono dela é uma lontra, sabe? Tipo, foda-se lontra. Que merda de patrono. Eu quero um patrono de Gorilão, Rinoceronte, Dinossauro. De que adianta estudar pra cacete aí vem teu patrono e ele é uma joaninha por exemplo? Francamente…

(Inclusive fiz o teste no Potterhead e deu que o meu patrono é isso aqui. E que eu sou sonserina. Eu odeio esse site)

 

Cachorro eu já tenho, porra.

 

Bom, Dolores descobriu a sala e a X9 foi a Cho. Como aparece escrito o nome TROPA DO VELHACO, todos vão direto pra cima do Dumbledore exigir uma explicação. Tu acha que ele vai pra penitenciária? Vai é nada. O coroa lança do nada um RuPaul’s Drag Race no palco e desaparece.

 

SASHAY AWAY

 

Aconteceu a intervenção militar lá. Dolores entra no lugar do Dumbledore e toma-lhe ditadura na criançada. Tá se achando a Cersei Lannister já.

Nessa leva de demissões a torto e a direito, o Hagrid vai rodar também. Ele chama nossos herois para dentro da floresta e fala “vocês estão vendo ele?” sendo “ele” um Shrek de uns 10 metros de altura. “Eu gostaria que vocês cuidassem dele. Vocês vão cuidar dele?”. Que pica que esses moleques foram arranjar pra vida deles hein.

 

Nunca é um Lulu da Pomerânia, um Golden Retriever. São sempre essas atrocidades.

 

Naquela do Snape ler os pensamentos do Harry, ele dá uma xingada no pai do do moleque e tu já viu o que acontece quando fazem isso. Harry foi e violou as memórias de Snape. Puta merda, que dó. O pai do Harry era de fato um babaca. O Snape sofria bullying. Aí deu pena.

No meio do motim que os gêmeos começaram, o Harry tem uma visão de Raven com o Sirius morrendo. Dolores pega eles e tem a cena do tapão na cara. A velha já está completamente fora de si. Nessa hora a gente descobre que a Cho foi torturada e que ela não era X9 nada. Mas se fosse no Rio de Janeiro já tava só a carcaça no meio de um monte de pneus.

Harry fala pro snape em código: O ALMOFADINHA TÁ NO ESCONDERIJO

Dolores define que o garoto tá maluco e está prestes a lançar a mandinga da tortura nele. Mas Hermione é mais esperta e ganha tempo falando “Dolores vem ver a arma do Dumbledore”. A velha acredita e levam ela pra floresta.

Chega num determinado momento em que ela percebe que os dois só estão tentando ganhar tempo e começa a dar chilique. Nisso os centauros sem-terra aparecem. Vai dar merda. Ela começa a torturar um deles, sendo que tem mais uns 20 atrás. Apareceu o Shrek e os centauros partiram pro ataque. Levaram a mulher embora.

 

tem que ver, parece aniversário guanabara

 

Bom, hora de correr atrás do prejuízo e salvar o Sirius. Vai todo mundo pra londres de testrálio (que é melhor do que ir de copa airlines, por exemplo. Sim isso é um link para outro texto. Pode abrir em outra aba porque modéstia à parte é muito bom também)

Ok, geral naquela espelunca com as bolas de cristal. É como se fosse um antiquário que só vende um produto. O que eu fico abismado é como nenhum desses moleques tem rinite alérgica. Só de olhar pra essa cena eu já começo a espirrar.

Eis que nossos heróis descobrem que aquilo ali era uma emboscada pois aparece das sombras um cara com máscara. Na mesma hora ele tira a máscara, revelando que é Lúcio Malfoy, o que mostra claramente que ele não entende a função de uma máscara.

 

“adivinha quem ééééé”

 

É um corre-corre que tu não faz ideia, broder. Era só uma questão de tempo até alguém derrubar tudo. No caso, foi a Gina. A MERDA que a Gina arranjou. Se é comigo eu tava de castigo desde o dia que lançou o filme até hoje. Beleza, todo mundo caiu numa salinha com um portal e para nossa surpresa, quem aparece é aquela atriz que fez a fumaça de Lost. Fico muito feliz que ela ainda continua seguindo carreira

 

nada mais nada menos do que merecedora do Oscar

 

Haha, piada legal né. Beleza, tem 5 crianças prestes a morrer assassinadas no filme então toma aí essa surra de realidade social. Meu site não só diverte como também te faz refletir. Bom, Vera Holtz Malfoy deixa Harry sem alternativas. Ou Potter dá a profecia pra ele ou vai morrer toda a garotada. Ele entrega.

 

perdi, perdi. não esculacha

 

CHEGOU O SIRIUS E A RAPAZEADA. ETA PORRA AGORA SIM UMA PORRADARIA ROLANDO. MUITA MAGIA MUITO SOCO NA CARA. É DISSO QUE A GENTE GOSTA. Adrenalina a mil, nosso time ganhando.

 

aeeeee caralhoooooooo

 

Daí vem a perturbada da Belatriz e solta-lhe um Avada nas ideia do Sirius. Morreu Sirius. Puta que pariu, a gente não pode ter 2 minutos de felicidade.

Harry vai atras da mulher pra matar mas ele é bunda-mole e não faz nada. Aparece o Voldemort. Fodeu. Aparece o Dumbledore. Fodeu demais.

Começa a porradaria entre o velho e o sem nariz.

Harry recebe um encosto bem específico em que ele tá completamente em transe ao mesmo tempo em que passa umas cenas do Voldemort em um clipe dos anos 80


No final das contas o ministro vê que o Voldemort voltou. Precisou esse fuzuê todo pro cara ter que acreditar. É um arrombado mesmo, né. No final do filme Dumbledore e Harry voltam a ficar amigos e Dumble diz que só deu aquele gelo pra proteger o menino. Sei. Isso aí é papo de quem foi na zona e quer manter o namoro. Era só falar, to de olho nesse velho.

Harry fala que na profecia diz que tem que morrer ou ele ou o Voldemort. Dumbledore alivia o menino falando “isso aí mesmo. É bom tu dar teu jeito né”

Daí acaba o filme com a Luna mostrando mais uma vez que é meio descompensadinha e lá vou eu começar a escrever a resenha do próximo. Eu não aguento mais escrever resenha de Harry Potter.

Faça algum elogio aqui

11 Comentários

  1. Parabéns, vc me fez rir em um dia super bosta, obrigada por fazer isso 💙💜💙💜💙💜💙💜

  2. Hta

    Taí uma parada que demora mas vale a pena, acho que em todos esses anos que eu assisti Harry Potter e pensava nessas merdas não conseguiria organizar uma resenha assim, parabéns Ygor!!

  3. May

    Vale a pena esperar tanto pelas resenhas hahahaha

  4. j

    queria q todas as pessoas do mundo conhecessem esse blog e o ygor realmente ganhasse dinheiro com isso aqui simplesmente MARAVILHOSO ahahdhaudha

  5. Paulo

    Mano, sua maneira de escrever é muito legal! De verdade, parece um papo com um amigo! Vc é foda faz todos os filmes se possível

  6. Bia

    Meu deus do ceu ygor obrigada por essa resenha

  7. Juliana

    Eu sou gargalhadas do início ao fim!
    Nunca que poderia imaginar que uma resenha de HP, me Faria rir tanto!
    Só você mesmo !!!
    Sucesso sempre!!